O Natal de Hogwarts

Publicado em 26 de Dezembro de 1991

O Natal de Hogwarts foi como esperávamos que fosse, cheio de diversão, comida de excelente qualidade, bombinhas de bruxo e muita neve.

O Natal de Hogwarts

Na manhã de natal, como de costume, abri meus presentes que estavam encostados do lado da minha cama. Acredito que todos fizeram o mesmo, afinal para que esperar para abrir os presentes? E logo em seguida vinha o café da manhã.

Mas o que marcou mesmo esse dia, sem dúvidas, foi o almoço de natal. Que almoço, meus amigos, que almoço. Havia cem perus gordos assados, montanhas de batatas assadas e cozidas, travessas de salsichas, terrinas de ervilhas passadas na manteiga, molheiras com uva-do-monte em molho espesso e bem temperado e, é claro, as bombinhas de bruxo espalhadas em pilhas pela mesa.

E é claro que também não faltou nosso amado pudim flamejante, que a propósito estava delicioso.

Eu não sei se o fato da comida nunca acabar é algo positivo ou negativo em Hogwarts, eu juro que devo ter engordado uns 3 quilos só neste almoço natalino.

E não são só os alunos que aproveitam o natal de Hogwarts, pois até o nosso diretos Dumbledore estava presente e super feliz eu diria. Com uma touca florida, ele ria bastante de algo que o professor Flitwick lhe contava. Deveria ser uma piada.

Todos saíram com as mãos ocupadas com o tanto de brinquedos que conseguiram ganhar nas bombinhas, além de um estômago completamente cheio.

A tarde foi bem proveitosa também, Alguns aproveitaram para brincar com bolas de neve, outros só aproveitaram o calor da lareira e alguns até arriscaram a se aventurar por Hogwarts.

O jantar não foi diferente do almoço, ótima comida e muitas risadas. Naquele momento dava para perceber que todos estavam felizes por estarem ali, mesmo que a saudade da família apertasse.

E esse foi o Natal de Hogwarts deste ano. E que venha o próximo. Feliz Natal!

O Natal de Hogwarts
5 (100%) 6 votes

Comentários

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.